Total de visualizações

terça-feira, 5 de agosto de 2014

COJITO, ERGO SUM


Eu pensei que fosse fácil
Ser feliz e nem sabia
Que felicidade mesmo
Por aqui, nem existia...

Eu pensei que já sabia
Hoje sei que nada sei
Se isto for filosofia,
Logo, já filosofei....

Se eu sou coisa pensante
E o meu corpo, coisa extensa,
Toda dor vem do instante
Em que a cabeça não pensa.

Eu pensei ... Ah! Pensamento,
Essa coisa tão volátil
Que esvai-se com o vento
Sem vir a ser coisa tátil...

Se eu paro, penso,
Se eu penso , choro
Se eu choro, existo
Se eu existo, adoro!